“Eu Maior” reflete sobre autoconhecimento através das novas formas de fazer cinema

eu maior

Por tratar de dilemas irrespondíveis, “Eu Maior” começa e termina com os grandes questionamentos que nos deparamos durante a vida. Por que eu existo? Quem ou o que é Deus? Por que existe alguma coisa e não nada? E, principalmente, é possível ser feliz?

O documentário aposta que o segredo para felicidade é o autoconhecimento. Para tanto, mostra a busca pela satisfação através de 30 entrevistados (entre eles, Mario Sergio Costella, Marina Silva e Letícia Sabatella) que encontraram O significado da sua vida quando descobriram suas singularidades. Há quem é feliz quando surfa, pinta, fotografa ou pratica alpinismo. Todos tentando responder “os comos” (cientistas, médicos) e “os porquês” (líderes espirituais).

Não há respostas definitivas, mas muita sobriedade. Sutilmente, porém, através não apenas da escolha dos entrevistados, mas também da trilha sonora gotejante e das belas imagens, o filme indica que o despertar possa ser encontrado na natureza. O contato com a neve, com a montanha, com a floresta, com o mar seria libertador para se livrar dos seus fantasmas e encontrar um sentido para a vida, de acordo com o filme.

O documentário é um mosaico de uma bem-vinda tomada de consciência de pessoas que perceberam o esgotamento do modo de vida contemporâneo. Todos entenderam que a inquietude e o autoconhecimento, de alguma forma, é o que nos fazem mortais, mas também nos torna humanos.

A ideia dos diretores e irmãos Fernando e Paulo Sclhultz, ambos formados em cinema nos Estados Unidos, não só é louvável como também foi vanguardista no Brasil. Lançado em 2013, Eu Maior trouxe na essência de sua realização as reflexões abordadas durante o decorrer do filme. Fruto dos novos tempos, o documentário não só foi financiado parcialmente pelo sistema de crowdfunding como também disponibilizado simultaneamente em diferentes plataformas: dvd/bluray, streaming, no Youtube e no avô de todos, o cinema.

Saiba mais sobre o projeto: www.eumaior.com.br

Anúncios


Categorias:Cinema, Críticas, Televisão

Tags:,

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: