10 músicas de 2018 que ficarão na memória

AStarIsBorn-horz.jpg

De modo geral, não posso dizer que realmente acompanhei o mundo da música em 2018, então essa não é uma lista de melhores do ano, mas de músicas maravilhosas que, de certa forma, representaram esse ano difícil, nem que seja apenas para dar aquela sacudida no corpo.

1.Pesadão – Iza (feat. Marcelo Falcão)

Uma canção de superação com muito ritmo, representativa da história pessoal que Iza quis passar no seu primeiro álbum, Dona de Mim, aliás, um senhor disco de reggae fusion e R&B.

2. Todo Homem – Caetano, Zeca, Tom e Moreno Veloso

O falsete de Zeca Veloso entoa a letra misteriosa que resulta num tom sagrado de aconchego.

3. O Que se cala – Elza Soares

A octogenária não para. Depois do elogiado A Mulher do Fim do Mundo, ela lançou esse ano o disco-irmão Deus é Mulher. Na letra da música que abre o álbum, composta por Douglas Germano, ela manda o recado afirmativo que as minorias tanto precisam em época de pouca tolerância.

4. O Cu do Mundo – Adriana Calcanhotto

A pertinente regravação de Calcanhotto da música de Caetano também é um recado para nossos tempos intolerantes, mas antes de ser edificante, é bem pragmática: “A mais triste nação/ Na época mais podre/ Compõe-se de possíveis/ Grupos de linchadores”

5. Seu Crime – Pabllo Vittar

Só deu ela em 2018. A drag queen mais famosa do mundo lançou um álbum quente e colorido, sendo Seu Crime o auge do disco.

6. This Is America – Childish Gambino

Não tinha como essa ficar de fora da lista. O clipe mais comentado e intrigante de 2018, com um refrãozinho que não sai da cabeça e uma coreografia que entortou muita gente.

7. Once in my Life – The Decemberists

Composta por quatro ou cinco versos, é uma prece na voz ao mesmo tempo melíflua e rouca de Colin Meloy que lembra muito algumas dos Smiths.

8. Tranquility Base Hotel & Casino – Arctic Monkeys

Alex Turner cada vez melhor compôs o disco quase sozinho com uma temática futurista e vintage, remetendo Pink Floyd e David Bowie. Ouça também o single Four Out of Five.

9. Dylan & Caitlin – Manic Street Preachers

“América corrupta e mentirosa”, o incansável Manic manda seu recado a quem interessar possa.

10. Shallow – Lady Gaga e Bradley Cooper

Cooper revela-se um insuspeitável cantor country. A música é barbada para o Oscar 2019, que desde Let it Go, de Frozen¸ não tinha uma canção que realmente fez sucesso entre os indicados.

 

 

Anúncios


Categorias:Listas, Música

Tags:, , , , ,

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: