Oscar: 8 curiosidades sobre líderes políticos ou realezas na premiação

O filme A Favorita é um dos favoritos para o Oscar 2019.

Os indicados ao Oscar 2019 só serão divulgados em janeiro do ano que vem, mas já especula-se que A Favorita abocanhe várias indicações ao prêmio. O filme do cineasta grego Yorgos Lantinos, dos ótimos e bem peculiares Dente Canino (2009) e O Lagosta (2015), tem recebido crítica positiva para os aspectos técnicos e para o trio de atrizes Olivia Colman, Rachel Weisz (que bom vê-la voltando aos holofotes) e Emma Stone (não desperdiçando o voto de confiança que Hollywood lhe deu após La La Land).

O longa narra a história real de um triângulo amoroso na realeza britânica envolvendo a Rainha Anne (Colman) no século 18 e teremos que esperar até 24/01 para assisti-lo no Brasil. Bom, se as previsões se confirmarem e Olivia Colman for indicada a melhor atriz, ela entrará para a lista de astros que interpretaram reis ou líderes políticos e foram indicados ao Oscar. Como a gente adora lista e curiosidades sobre os atores, saiba quem já passou pelo tapete vermelho por ter interpretado papéis semelhantes:

  1. 43 performances de monarcas ou líderes civis (reais ou fictícios) foram indicadas para prêmios de atuação, com 11 vencedores.

Frost/Nixon (2008).

2. O Reino Unido é a nação mais representada. No geral, houve 15 nomeações e quatro vitórias para retratos de monarcas britânicos. Recentemente ganharam Helen Mirren por A Rainha (2006) e Colin Firth por O Discurso do Rei (2011). Além disso, Vanessa Redgrave foi nomeada por sua interpretação de Mary, Rainha dos Escoceses em As Duas Rainhas (1971).

A Rainha (2006).

3. Três performances de primeiros ministros britânicos foram nomeadas, com três vitórias, como a do atual vencedor Gary Oldman, que interpretou Winston Churchill em O Destino de Uma Nação e Meryl Streep que viveu Margareth Tatcher em A Dama de Ferro (2011).

O Destino de Uma Nação (2017).

4. A única atuação como um monarca não-britânico a ganhar um prêmio foi a de Yul Brynner como Rei Mongkut do Sião em O Rei e Eu (1956).

O Rei e Eu (1956)

5. Nove representações de presidentes dos Estados Unidos – dois deles fictícios – foram indicados, sendo Daniel Day-Lewis como Abraham Lincoln o único a ganhar.

Lincoln (2013).

6. Performances de quatro reis franceses e de Charles Boyer como o imperador Napoleão Bonaparte em O Romance de Madame Walewska (1937) tiveram indicações.

O Romance de Madame Walewska (1937)

7. Três atuações como ditadores foram indicadas: Forest Whitaker ganhou por sua interpretação de Idi Amin em O Último Rei da Escócia (2006), e Charlie Chaplin e Jack Oakie foram nomeados por seus papéis como os ditadores de Tomania e Bacteria em O Grande Ditador (1940).

O Último Rei da Escócia (2006).

8. 11 retratos de cônjuges de líderes foram indicados, com Katharine Hepburn sendo a única vencedora por sua interpretação da Rainha Eleanor de Aquitânia em O Leão no Inverno (1968).

O Leão no Inverno (1968)

 

Anúncios


Categorias:Cinema, Listas

Tags:,

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: