O episódio de “Community” que é muito “Black Mirror”

comm-horz

A história se repete, a primeira vez como tragédia e a segunda como farsa, já diz a velha máxima. No caso dos dois episódios que analisaremos aqui, a farsa veio antes da tragédia. Trata-se do 8º episódio da 5ª temporada de Community, App Development and Condiments, que foi ao ar em 2014 e do 1º episódio da 3ª temporada de Black Mirror, Queda Livre, de 2016. Os dois tratam das consequências terríveis de reduzir as pessoas a números.

Em App Development and Condiments, um novo aplicativo é lançado para os alunos desajustados da faculdade de Greendale. O aplicativo móvel permite que os usuários avaliem uns aos outros como um a cinco Meow Meow Beanz. No episódio, aqueles que são mais bem classificados acabam se tornando um grupo tirânico que comanda aqueles com classificações mais baixas. Soa familiar? Como se trata do mais puro suco de Community, que satirizou quase tudo nas suas seis temporadas (cadê o filme?), aqui temos referências aos montes, de George Orwell , Aldous Huxley a Lênin. Veja como funciona o Meow Meow Beanz:

Já o episódio Queda Livre de Black Mirror oferece um olhar interessante sobre um futuro distópico em que as mídias sociais foram longe demais. Na história protagonizada por Bryce Dallas Howard, cada pessoa tem uma classificação de um a cinco. Quando as pessoas interagem umas com as outras, elas oferecem uma classificação que afeta a pontuação geral dessa pessoa (exatamente igual Community!). Essas pontuações ditam o seu local no mundo, permitindo que você compre uma casa melhor, alugue um carro melhor e, basicamente, seja mais popular. Entenda melhor nesse vídeo:

É um ótimo exercício assistir os dois brilhantes episódios (Black Mirror está disponível na Netflix e Community, que infelizmente chegou ao fim em 2016, é “encontrada” facilmente na internet) para entender os dois lados das duas faces clássicas da narrativa audiovisual: o drama, que confronta e questiona e a comédia, que alivia e atemoriza.

E para quem acha que a ideia de criar um “ranking de pessoas” é  viajada demais, saiba que ela já está em prática. Nessa matéria da Super, eles explicam como a coisa está funcionando: “é o chamado score de crédito, cálculo feito por bancos e empresas de cartão de crédito para avaliar se alguém deve ou não um empréstimo ou financiamento, qual o valor máximo para aquela pessoa e qual será a taxa de juros. O objetivo é evitar emprestar para quem tem risco de não pagar.” A matéria afirma que avaliações das redes sociais também já estão sendo feitas na hora de contratação para empregos, ou seja, tome cuidado.

Anúncios


Categorias:Televisão

Tags:, , ,

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: